Monday, November 18, 2019
NACIONAL

Modernidade na EAGB : A partir de 10 de julho consumidor pode comprar electricidade via telemóvel

Julho 06, 2019
  

A empresa de electricidade e águas da Guiné-Bissau (EAGB) acaba de rubricar um acordo com a operadora de telecomunicações Orange-Bissau, que vai permitir ao consumidor a compra de “saldo de luz” (electricidade) via telemóvel a partir do dia 10 de julho.

A operação vai poder ser feita através do serviço Orange Money (aplicativo Orange Mobile Money Guiné-Bissau) a qualquer ora do dia, uma forma de reduz o fluxo dos consumidores aos balcões das agências da empresa marcado sempre por longas filas.

O acordo foi rubricado entre as partes ontem sexta-feira, 05/julho, pelo presidente do Conselho de Administração da EAGB, Carlos Alberto Barbosa de Andrade e o Diretor-Geral da Orange Bissau, Seydi Ahmed Sy Sarr.

A EAGB produz 15 Megawatts, potência ainda não permite cobrir as necessidades de Bissau.

Importa recordar que governo celebrou um contrato, há pouco tempo, com um consórcio que agrupa as empresas portuguesas (EDP, ADP e LCBS) para a gestão e controlo da EAGB durante três anos, suportado pelo Banco Mundial no valor de 3,9 milhões de euros (mais de 2.5 mil milhões de francos CFA).